quarta-feira, 29 de julho de 2009

tenho feito poemas lindos



tenho feito poemas lindos porque sou um homem,
mutante amante, arte pessoa, a bela e a fera,
a cor e o odor das ruas e dos rios

tenho feito poemas lindos
porque abro minha vida e minha casa
(abomino cadeados e trancas)

quando vieres ao meu encontro,
traga flores de pêssego
e cachos de uvas verdes

(edu planchêz)

2 comentários:

Anônimo disse...

camarada planchez
adorei,gostei de ver e ler os poemas...
letras cibernéticas e vermelhas
na tela do pc.

abraços,saude e bos sorte...

sucessos !!!
kaka dionisio

sil disse...

Fazia algum tempo q não passava por aqui; sente-se nesses poemas a profunda transformação pela qual passa esse poeta...e assim cada vez mais profundo e bonito vai tecendo com palavras o que é transmutação.abçs